quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Postos de venda de cartões passarão de 50 para 200

Como parte da negociação que definiu o congelamento e a unificação da tarifa do transporte coletivo urbano em Campo Grande, ficou garantido que não haverá demissão de cobradores. Isso porque, caso haja necessidade de dispensar cobradores, esses profissionais serão aproveitados em um dos 150 novos postos de venda de cartões que serão instalados pela cidade. Hoje são 50 locais de venda.

Reiterando: a partir de segunda-feira, 1º de março, a tarifa do transporte coletivo urbano em Campo Grande paga por meio do mudará. Ela está congelada em R$ 2,50 no pagamento em dinheiro. A única alteração da tarifa será para o valor no passe cidadão, praticado através do cartão magnético, que passa a ser igual ao pago em dinheiro. O reajuste ainda é menor do que apontou o estudo dos custos do serviço, elaborado pela Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) e pela UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul).

Nenhum comentário: