domingo, 11 de agosto de 2013

Dia dos Pais e suas lembranças...

 Hoje, Dia dos Pais, é um dia de saudade para mim. Gostaria muito de dar um abraço apertado no meu pai, ouvir suas histórias, conselhos, e simplesmente almoçar com ele em sua casa, como sempre fazíamos. Para homenagear meu amado pai, meu exemplo, homem bom, culto, justo, honrado, amoroso e tantas outras qualidades que ele tinha, vou postar ao longo do dia lembranças especiais que tenho dele.

Desejo um Feliz Dia dos Pais a todos os pais que, assim como eu, sabem que a nossa vida fica muito melhor quando temos os nossos filhos!

Nesta foto, estava no colo do meu pai, ao lado da minha mãe e do meu primo. Modéstia a parte, o meu neto Raphinha é igual ao vovô quando tinha sua idade.



Lembrança 2: meu pai apagando as velas do aniversário de Campo Grande, quando era vice-prefeito. Na época, o vice era eleito separadamente do prefeito, e meu pai recebeu, em 1962, como vice, mais votos do que o próprio prefeito eleito, Antônio Mendes Canale, que também apaga as velas com ele na foto. Eles eram muito jovens e aceitaram o desafio de administrar Campo Grande! Tenho tanto orgulho...

Lembrança 3: o meu pai, enquanto cursou Direito no Rio de Janeiro, foi presidente da UME (União Metropolitana dos Estudantes) no governo do ex-presidente Juscelino Kubitschek. Esta matéria conta quando ele foi ferido enquanto protestava contra o aumento do preço das passagens dos bondes.

Confiram trecho da matéria: "Entre os feridos figura o distinto moço matogrossense, acadêmico de Direito, Nelson Trad, Presidente do Centro Acadêmico Luiz Carpentier, e cujos pais seguiram ontem para o Rio, afim de prestarem-lhe assistência(...) É que Nelson Trad, um dos expoentes de sua geração, no Rio assumiu a liderança de sua classe, foi logo à Presidência de um grêmio e está sendo apontado como candidato à Presidência da UNE, que é a entidade máxima estudantil do país".

Quanto orgulho eu tenho do meu pai, um homem guerreiro, que sempre lutou por aquilo que acreditava ser o correto!

Lembrança 4: Nesta foto, datada de 1953, meu pai estava no Rio de Janeiro, onde cursava Direito, com dois de seus grandes amigos, o advogado Ernesto Borges, e o Genaro. Ele lutava pelos direitos dos estudantes, mas também aproveitava os momentos de descanso com seus amigos.


Lembrança 5: esta foto é mais recente. Meu pai adorava ir até o Mercadão Municipal comprar as frutas para sua casa. Ele gostava de ir, principalmente, na Praça dos Índios. Assim que chegava em casa, organizava tudo na fruteira. Esta foto fui eu quem tirei, logo após ele organizar as frutas. Vejam só sua satisfação! Meu pai era um homem de hábitos muito simples, uma pessoa muito querida por todos. Quanta saudade...





Nenhum comentário: