quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Consciência Negra, como não tê-la?

Hoje, 20 de novembro, é celebrado o Dia Nacional da Consciência Negra, em homenagem à morte de Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares. O dia é marcado pela luta contra o preconceito racial, algo que, infelizmente, ainda existe em nosso País. Aproveito a data não só para falar o que deveria ser óbvio para todos nós – o fato de que todos os seres humanos são iguais, independente da cor da pele, credo ou nacionalidade – mas para falar um pouco da rica contribuição dos afrodescendentes para a formação do povo brasileiro e da cultura do nosso país.

A nossa tradicional feijoada, o acarajé, o vatapá e o bobó são pratos famosos da culinária afro-brasileira. Além disso, o coco, a banana, a pimenta malagueta e o café são produtos oriundos das terras africanas. A alegria do samba, “marca registrada” do nosso Brasil, também é herança dos afro-brasileiros, assim como a bossa nova, a capoeira e as religiões Candomblé e Umbanda.

Depois de citar apenas alguns exemplos, acho que hoje é dia de agradecer por vivermos num país tão rico culturalmente, graças à tantas influências maravilhosas!

Tenham todos uma excelente quarta-feira!



Nenhum comentário: